Notícias

Anterior Seguinte
Informações | 06 01 2015
Equipe PEUGEOT-Total completa primeira etapa do Dakar

20150104172237-ba2e04cc20150104172119-edd84608



O primeiro dia do Dakar 2015 marcou o retorno da equipe Peugeot-Total à acidentada rota do rally - depois de sua última participação em 1990 - mostrando o sucesso do carro PEUGEOT 2008 DKR ao completar os 175 quilômetros iniciais de abertura sem dificuldades. Com os três carros tendo chegado em segurança a Villa Caros Paz, segue-se o segundo dia por um trecho de 519 km, considerado o mais longo dos 17 dias de evento numa mesma estrada.

 

A cidade de Villa Carlos Paz, província de Córdoba, na Argentina, é conhecida pelos amantes do esporte por já ter sido escolhida por muitos anos para receber a etapa argentina do Campeonato Mundial de Rally. Algumas das estradas usadas no Dakar fazem parte inclusive da rota do Rally da Argentina, incluindo grande variedade de terrenos, áreas abertas e trechos mais apertados e de maior complexidade técnica.

 

Nesta volta à competição, a tarefa da equipe PEUGEOT-Total é retornar a Buenos Aires em 17 de janeiro tendo completado os cerca de 9 mil quilômetros da árdua rota que cruza ainda Chile e Bolívia.

 

Com tecnologia criada especialmente para a voltas às pistas off-road depois de 25 anos, o PEUGEOT 2008 DKR, equipado com um poderoso motor 3.0 bi-turbo diesel, não enfrentou problemas mecânicos neste primeiro dia de competição, dando aos três pilotos a motivação necessária para seguir em frente.

 

“Estou feliz, foi um bom começo”, disse o piloto Carlos Sainz, duas vezes campeão mundial de rally, incumbido de liderar o trio PEUGEOT. “Nosso objetivo é chegar sem problemas, o que fomos capazes de fazer. Conseguimos avaliar nosso ritmo e foi bom, tendo em vista que a etapa de hoje não era especialmente favorável para carros de tração 4x2”.

 

Duas colocações abaixo de Carlos, em 10º, está o onze vezes campeão do Dakar e competidor mais bem-sucedido do evento, Stéphane Peterhansel, que confessou algum nervosismo no início. “Sim, definitivamente eu estava um pouco nervoso. Para nós foi tudo novo: primeira largada, primeira bateria e nunca tínhamos dirigido nesse exato tipo de superfície antes, mas foi uma boa surpresa. Nosso ritmo foi bom, especialmente em alta velocidade”.

 

O novato no time é Cyril Despres, que compete de carro no Dakar pela primeira depois de vencer a etapa de moto por cinco vezes. Ele finalizou a etapa em 33º no quadro geral sem apresentar problemas no carro.

 

“Tenho muito o que aprender, mas tenho os melhores professores!”, disse Despres. “Estou levando uma coisa de cada vez e dirigindo no meu ritmo”. Familiarizado com a Argentina depois de trabalhar por sete anos no país, o chefe da equipe PEUGEOT, Bruno Famin, disse que enfrentarão a competição etapa por etapa e que a primeira foi concluída. “Obviamente está muito cedo para tirar conclusões, especialmente levando em conta que o trecho de hoje não era o melhor para nosso carro. Porém, estamos muito satisfeitos em concluir o primeiro dia com todos os três carros.”

 

Resultados depois da SS1:

1 Nasser Al-Attiyah (QAT)/Matthieu Baumel (F) Mini 1hr 12min 50sec

2 Orlando Terranova (ARG)/Ronnie Graue (ARG) Mini 1hr 13min 12sec

3 Robby Gordon (USA)/Johnny Campbell (USA) Hummer 1hr 13min 54sec

4 Giniel de Villiers (RSA)/Dirk von Zitzewitz (D) Toyota 1h4 14min 02sec

5 Krzysztof Holowczyc (PL)/Xavier Panseri (F) Mini 1hr 14min 06sec

6 Emiliano Spataro (ARG)/Benjamin Lozada (ARG) Renault 1hr 14min 08sec

7 Bernhard Ten Brinke (NL)/Tom Colsoul (B) Toyota 1hr 14min 28sec

8 Carlos Sainz (E)/Lucas Cruz (E) Peugeot 2008 DKR 1hr 14min 56sec

9 Erik van Loon (NL)/Wouter Roesegar (NL) Mini 1hr 15min 10sec

10 Stéphane Peterhansel (F)/J-P Cottret (F) Peugeot 2008 DKR 1hr 15min 25sec

33. Cyril Despres (F)/Gilles Picard (F) Peugeot 2008 DKR 1hr23min29 sec