Notícias

Anterior Seguinte
Informações | 10 04 2014
PEUGEOT 208 T16 vence na estreia do Campeonato Europeu de Rali

30 anos de história

 

Em 1984, a PEUGEOT conseguiu uma vitória marcante na segunda especial do Tour de Corse, com Ari Vatanen pilotando o 205 T16. Três décadas depois, Kevin Abring, da PEUGEOT Rally Academy, marcou a primeira aparição internacional do novo 208 T16 com o melhor tempo, coincidentemente, na segunda especial, mas foi seu companheiro de equipe, Craig Breen, quem venceu o lendário Rally Acrópolis, no Campeonato Europeu de Rali.

 

O formato da primeira etapa, com percurso alternando vários tipos de piso (asfalto e terra) e uma combinação de clima chuvoso e seco acrescentou uma dose extra de desafio à dupla da PEUGEOT.

 

Um primeiro lugar para Craig Breen, o 208 T16 e a PEUGEOT Rally Academy

 

O irlandês Craig Breen e seu navegador Scott Martin contribuíram para o desenvolvimento do 208 T16. Eles sabiam do potencial do novo carro quando os competidores alinharam para a largada do Rally Acrópolis. Ele venceu quatro especiais (SS3, SS6, SS7 e SS11) e assumiu a liderança no SS6 após o abandono de seu companheiro de equipe Kevin Abbring. Depois, uma pilotagem decidida foi fundamental para superar uma saída de pista, resistir à pressão de Brian Bouffier e vencer por uma margem de 8.1 segundos. K. Kajetanowicz foi terceiro, mais de 40 segundos atrás.

 

O resultado representou a primeira vitória de Breen em um rali internacional importante e também a primeira vitória para o PEUGEOT Rally Academy e o 208 T16. Craig Breen premiado com o troféu Colin McRae Flat out.

 

Na próxima semana, Breen e o 208 T16 estarão na Irlanda para disputar uma etapa do campeonato nacional de rali daquele país, para a disputa do Circuito da Irlanda, próxima etapa do Campeonato Europeu de Rali da FIA.