• Notícias
  • >
  • > Peugeot 308 e 408 mantêm o melhor índice de reparabilidade, indica CESVI Brasil

Notícias

Anterior Seguinte
Informações | 25 10 2013
Peugeot 308 e 408 mantêm o melhor índice de reparabilidade, indica CESVI Brasil

img0225011

 

Modelos apresentaram o melhor resultado entre seus concorrentes nas categorias hatch e sedã médios em teste que aponta o índice de reparabilidade de veículos nacionais e importados, promovido pelo CESVI Brasil (Centro de Experimentação e Segurança Viária).


Desde seus respectivos lançamentos no país, o hatchback médio 308 e o sedã médio 408 mantiveram-se com o menor tempo e o mais baixo custo de reparo entre os veículos de mesma categoria comercializados no mercado brasileiro, de acordo com testes realizados pelo CESVI Brasil (Centro de Experimentação e Segurança Viária), entidade de pesquisa dedicada ao estudo da reparação automotiva.

Os dados integram o índice CAR Group, que classifica modelos de uma mesma categoria a partir da realização de crash-tests dianteiro e traseiro, e foram apresentados em premiação realizada nessa quinta-feira (24), na sede da entidade. Após efetuar os devidos reparos e uma análise individual das peças envolvidas, o órgão indica os resultados por meio de uma escala, que vai de 10 a 60: quanto melhor a reparabilidade, menor será o número do grupo de classificação do veículo.

Pelo segundo ano seguido, o 308, com nota 24, ficou nove pontos a frente do segundo colocado. De acordo com o CESVI Brasil, a tendência é que os veículos com melhor classificação no ranking também tenham valores de seguro mais vantajosos, já que o custo do reparo é utilizado como base para a tarifação de preços pelas seguradoras.

Esse resultado reforça a ótima relação de custo x benefício que acompanha o hatchback da Marca. Além do estilo inconfundível, da ampla lista de equipamentos de série, dirigibilidade de alto nível e generosidade tecnológica, o modelo se beneficia de um pacote de serviços de pós-venda extremamente competitivo.

O mesmo ocorreu com o 408, que obteve nota 21. Por três anos consecutivos, o sedã médio da Peugeot figura na primeira colocação de seu ranking, com nove pontos de vantagem sobre o concorrente mais próximo.

Ambos oferecem garantia total, válida por três anos e sem limite de quilometragem. Outro ponto de destaque dos modelos é o pacote de revisões, com custo posicionado entre os mais competitivos do mercado. No caso do 308, a primeira revisão (10 mil quilômetros rodados ou um ano de uso) está orçada a partir de R$ 290. A segunda (20 mil quilômetros rodados ou dois anos de uso), em R$ 490 e a terceira revisão (30 mil quilômetros rodados ou três anos de uso), em R$ 290, totalizando R$ 1.070 durante o período de vigência da garantia do veículo.

No caso do 408, os valores posicionam-se a partir de R$ 330, R$ 540 e R$ 330, respectivamente para a primeira, segunda e terceira revisões, que totalizam R$ 1.200 no período.