• Notícias
  • >
  • > PEUGEOT lança o Kick It To Brazil: a extraordinária viagem de uma bola de futebol por cinco continentes

Notícias

Anterior Seguinte
Informações | 14 03 2014
PEUGEOT lança o Kick It To Brazil: a extraordinária viagem de uma bola de futebol por cinco continentes

“One Kiss, One Tree”, uma iniciativa para apoiar a operação Poço de Carbono-ONF no Brasil

 

Idealizado pela PEUGEOT, o projeto Kick it to Brazil deu seu pontapé inicial dia 5 de março em Paris. A bola vai viajar pelo mundo e atravessar mais de 30 países em cinco continentes em apenas 100 dias. Os veículos oficiais do evento serão da gama crossover da Marca (2008, 3008 e 4008), entretanto, para que a bola possa realizar sua viagem, todos os meios de transporte serão utilizados, incluindo bicicleta, moto e avião.

 

Em cada país que acolher o evento haverá um curta metragem diário que será difundido e compartilhado no Facebook e no site www.kick-it-to-brazil.com. Para cada foto de beijo na bola postada no site www.kick-it-to-brazil.com, a PEUGEOT plantará uma nova árvore junto aos 2 milhões de árvores de 50 espécies diferentes já introduzidas no Poço de Carbono Florestal PEUGEOT-ONF, um empreendimento científico e ambiental situado na Fazenda São Nicolau, município de Cotriguaçu, no noroeste do Mato Grosso. Este projeto foi lançado em 1999 e a PEUGEOT assumiu o compromisso de continuá-lo até 2038.

 

As emissões de carbono da viagem serão integralmente compensadas e os créditos assim obtidos serão reinvestidos nas iniciativas de natureza científica, ecológica e socioeconômica do projeto Poço de Carbono Florestal PEUGEOT-ONF, na Amazônia. A bola terminará sua viagem no dia 5 de junho de 2014, em pleno Poço de Carbono. Acompanhe a aventura no site www.kick-it-to-brazil.com e prolongue a experiência nas redes sociais com #KickItToBrazil

 

 

A PEUGEOT propõe uma aventura internacional, social e solidária

 

A bola será o elo entre os internautas e a PEUGEOT, e a Marca vai convidá-los a escolher a etapa seguinte ou a encontrar-se com os membros da equipe do Kick it to Brazil, a fim de interagir durante os eventos e encontros diários. Em cada etapa, aqueles que cruzarem com a bola poderão contar e compartilhar suas experiências no Facebook (facebook.com/Kickit2Brazil), Instagram (instagram.com/kickittobrazil) e no site dedicado à operação www.kick-it-to-brazil.com.

 

Promover a imagem e a paixão pela PEUGEOT no mundo todo

 

Este novo tipo de campanha, centrado na imagem da marca, é realizado em parceria com o Facebook, líder entre as redes sociais com alcance mundial. A PEUGEOT deseja criar uma ligação forte entre a marca e todas as gerações de pessoas no mundo.

 

Facebook, um poderoso parceiro na mídia social

 

Plataforma internacional com mais de 1,23 bilhão de utilizadores ativos, dos quais 945 milhões nos dispositivos móveis, o Facebook é o parceiro ideal entre as mídias sociais para apoiar a operação.

 

No Facebook e no Instagram, os internautas do mundo todo podem participar da viagem, compartilhar seus relatos, fotos e vídeos através do site: www.kick-it-to-brazil.com.

 

Dados sobre o Poço de Carbono PEUGEOT-ONF

 

- Uma importante contribuição no longo prazo

 

- 10 milhões de euros: o orçamento inicial do projeto, 100% financiado pela PEUGEOT;

- 400 mil euros: o orçamento anual complementar, co-financiado por PEUGEOT e ONF (desde 2005), dos quais uma parte significativa para a pesquisa;

- 40 anos: período de duração do projeto (de 1998 a 2038).

 

- A Fazenda São Nicolau em números

 

- 1999: data da aquisição da propriedade;

- 10 mil hectares: superfície da fazenda (equivalente à superfície de Paris intra-muros);

- 7,2 mil hectares: área de floresta natural conservada, dois quais 1,8 mil hectares compõem a Reserva Particular do Patrimônio Natural, com mil hectares de mata ciliar.

 

Um amplo reflorestamento com grande variedade de espécies

 

- 1,8 mil hectares: área de plantio, com 2 milhões de árvores plantadas;

- Biodiversidade: 50 espécies plantadas, sendo 49 nativas e uma exótica (a teca, Tectona grandis). As espécies nativas que dão melhores resultados são a Figueira Branca (ficus sp.), a Aroeira (Astrium sp.), e a  Paneira (Chorisia speciosa).

 

Monitoramento do carbono

 

- 13t CO2/hectare/ano desde 1999, das quais 110.000 t CO2 foram certificadas (protocolo VCS);

- Fonte de financiamento integralmente reinvestida no projeto;

- 5 anos: a periodicidade do balanço completo de carbono da plantação.

 

Monitoramento da biodiversidade

 

- 500 espécies de fauna recenseadas desde 2001, das quais uma em extinção (ex : onça pintada);

- 10 classes de insetos cujas populações foram avaliadas e são monitoradas desde 2001.

 

Integração local

 

- 5 mil alunos de escolas primárias acolhidos no âmbito dos programas de educação ambiental;

- Mais de 150 estudantes, representando uma dezena de instituições diferentes, acolhidos para trabalhos de teses universitárias;

- Cerca de 60 projetos de pesquisa ou estudos técnicos realizados na fazenda;

- Apoio aos empreendedores da região (sistemas agroflorestais para os pequenos agricultores e manejo sustentável das florestas).